Covid-19: CMCG instala lavatórios e adquire mais de mil máscaras

Foto: Ascom

A Câmara Municipal de Campina Grande, por meio da Mesa Diretora, segue tomando medidas de segurança contra o contágio e transmissão da Covid-19.

Além de ter instituído o trabalho em “home office” e as sessões remotas através de videoconferência, a Presidência adquiriu quatro lavatórios, mais de mil máscaras de tecido e de PVC, luvas, álcool em gel e procedeu com a dedetização e higienização de todo o prédio.

Desde o fechamento do prédio, obedecendo as determinações dos governos municipal e estadual, maior parte dos funcionários passou a desenvolver suas funções em “home office”. Alguns setores continuaram funcionando, como o setor de protocolo, vigilância e manutenção. Para esses funcionários foram fornecidos equipamentos adequados, como máscara, luvas e a disponibilidade de álcool em gel para continuar desenvolvendo as funções.

Outros setores, como o Gabinete da Presidência, Secretaria de Apoio Parlamentar, Departamento de Redação e Edição (DRE) e a Divisão de Imprensa e Relações Públicas (DIRP), funcionam com equipe reduzida dando apoio às sessões remotas que estão sendo realizadas duas vezes por semana.

Para tanto, seguindo determinação da presidente Ivonete Ludgério, foi instalado quatro lavatórios para higienização das mãos. Mais de mil máscaras de tecido e PVC foram adquiridas e estão sendo distribuídas com os funcionários e vereadores. Vários suportes contendo álcool em gel foram instalados por todo o prédio.

Foi feita toda a dedetização para evitar proliferação de mosquitos, principalmente do Aedes Aegypti, e outras pragas. A higienização do prédio é feita diariamente, principalmente de corrimãos, maçanetas, balcões, elevador, banheiros e de todos os setores.

“Estamos fazendo nossa parte. Além de manter as sessões remotas, com votações de projetos e requerimentos, estamos tomando todas as medidas de segurança necessárias para evitar a transmissão e o contágio da Covid-19 nas dependências da Câmara”, explicou Ivonete Ludgério.

Segundo a presidente, as medidas garantem a continuidade do trabalho legislativo que está sendo feito neste momento em que o prédio encontra-se fechado, mas também prepara a Casa para um possível retorno às atividades presenciais, tão logo haja uma determinação do governo, através dos órgãos de vigilância sanitária responsáveis.

*Com Ascom

ANUNCIANTE